, , ,

7 Coisas que Aprendi com o livro Conselhos Sobre o Regime Alimentar




Foram 509 páginas de muito aprendizado. Resolvi destacar as 7 coisas que mais me marcaram:

1.   Mudanças no estilo de vida trazem inúmeros benefícios

Gostei muito da didática da autora de começar o livro pelos benefícios que obteremos se fizermos as mudanças necessárias nos nossos hábitos. Assim passa a ser uma questão de inteligência e amor próprio optar por escolhas saudáveis.

Uma reforma no comer seria uma economia de gastos e trabalhos”.

2. Toda mudança é difícil no início

É normal ter dificuldade de deixar de comer determinado alimento. Se você se mantém firme no início, baseando sua escolha em argumentos racionais em pouco tempo isso será muito mais fácil para você. Mas para isso é preciso muita firmeza no início para vencer suas próprias vontades.

A parte animal de nossa natureza jamais deve ser deixada a governar a parte moral e intelectual”.

Seja progressiva a reforma alimentar”.

 3. Não basta a comida ser saudável é preciso ter sabor

Essa foi uma das coisas que eu amei saber. Alimento saudável não precisa ser sinônimo de alimento ruim. As comidas devem ser preparadas de forma apetitosa. O sabor é muito importante. A autora até fala que muitas vezes as cozinheiras são as culpadas das pessoas não gostarem da comida saudável. Eu mesma só consegui deixar de comer carne quando eu descobri que era possível me alimentar de coisas saborosas mesmo sendo vegetariana (clique aqui para saber mais sobre como me tornei vegetariana).

A comida deve ser preparada com simplicidade, todavia de maneira a se tornar apetecível”.

4. A saúde do corpo afeta a Espiritualidade

A Espiritualidade tem muito a ver com o que nós nos alimentamos. Partindo da crença que Deus se comunica com os seres humanos através de suas mentes, uma mente doentia terá dificuldade de se conectar com o seu Criador. A alimentação tem estreita relação com a saúde mental.

É impossível aos que condescendem com o apetite alcançar a perfeição cristã. ”

Ninguém que professe piedade se refira com indiferença à saúde do corpo, iludindo-se a si mesmo com o pensamento de que a intemperança não é pecado, nem afeta sua espiritualidade”.

5. Podemos ser saudáveis vivendo apenas com vegetais

Nos vegetais encontramos todos os nutrientes que precisamos para nos desenvolver. Aí você diz: e a vitamina B12? Esse é um assunto bem controverso e estou pensando num post só para isso. Quando o homem foi criado sua alimentação era baseada em vegetais, e hoje o que precisamos é voltar a essa alimentação original. Diminuir industrializados e voltar a uma alimentação simples.

Em um país como este, em que há frutas, cereais e nozes em abundância, como pode alguém pensar que precisa comer carne de animais mortos? ”.

Temos fartura de coisas boas para satisfazer a fome sem pôr cadáveres à mesa para compor o nosso cardápio”.
6. A comida precisa ser simples

Fiquei feliz demais de descobrir isso, pois muitas vezes nós que cozinhamos nos desgastamos dedicando várias horas no preparo de refeições requintadas e com muitas variedades. Não precisamos disso. A comida saudável é simples, composta basicamente por três grupos alimentares (saiba mais aqui). A grande variedade de pratos acaba deixando o estômago sobrecarregado e isso não tem nada a ver com saúde.

Quando sois convidados para uma refeição, evitai a muita variedade de alimento”.

7. Ninguém se faça Padrão para os outros

Há determinadas “leis” de saúde aplicáveis a todos. Porém cada organismo é único, e esse organismo único não pode ser padrão para os demais. Por exemplo alguém celíaco (alérgico ao glúten) não pode impor que todos retirem o trigo da alimentação. Outras pessoas não dão certo com pepino ou determinados tipos de feijões, mas isso não quer dizer que pepinos são prejudiciais a todos. Seja sábio e faça ao seu corpo o que é melhor para ele sem impor aos outros as suas próprias particularidades.

É impossível estabelecer uma regra fixa para regular os hábitos de cada um e ninguém se deve considerar critério para todos”.


Para ler a resenha acesse aqui.
Para ver vídeo de pessoa que emagreceu quase 30 kg com auxílio deste livro clique aqui.

0 comentários:

Postar um comentário