, , ,

Resenha do livro - Vivendo, amando e aprendendo


Leo Buscaglia, professor de Pedagogia e filósofo foi considerado um dos maiores escritores sobre o Amor. Teve também a audácia e inteligência de criar um curso chamado "Amor" na Universidade da Califórnia/EUA.

O livro Vivendo, amando e aprendendo é composto de várias palestras realizadas pelo Buscaglia e alguns textos inéditos.

O autor fala sobre a importância do amor na educação escolar. Para ele os professores precisam ser seres amantes, sensíveis às necessidades dos alunos e ressalta a importância de uma ponte de conhecimento entre alunos e professores ao invés de apenas a figura de alguém que impõe conhecimento à sua maneira. O pensamento central do livro gira em torno de cada ser humano tornar-se o melhor que pode para ter algo a compartilhar com os semelhantes.

O Leo fala um pouco sobre sua história de vida, sobre sua singular experiência familiar. Infância pobre, sofrendo com preconceitos o escritor narra sua história de forma feliz, pois em meio aos problemas ele possuía pais que souberam lhe demonstrar Amor, o que foi crucial para ele se tornar tudo o que se tornou. A leitura é um incentivo a se amar e amar outros incondicionalmente como seres humanos repletos de coisas boas, mas também d e fragilidades.  

"Uma pessoa que se ama diz “sim” para a vida, “sim” para a alegria, “sim” para o conhecimento, “sim” para as diferenças. Sabe que todas as coisas e todas as pessoas têm algo a lhe oferecer, que todas as coisas estão em todas as coisas. Se “sim” for muito ameaçador, tenta “talvez”".

Autor: Leo Buscaglia
Editora: Record
Número de páginas: 272

Resenha escrita por Elen Ximenes
Participante desde 2012

0 comentários:

Postar um comentário